A Portugal Ventures irá investir 600 mil euros na Agri Marketplace, a propósito da iniciativa Call MVP, lançada em 2018, que registou 156 candidaturas de startups early stage.

A Agri Marketplace assenta numa plataforma digital global que faz a ligação directa entre agricultores e organizações de produtores aos clientes agro-industriais, evitando a intermediação na cadeia de valor.

Este serviço torna mais fácil a venda e compra de produtos agrícolas através da utilização de ferramentas de vendas, de marketing, serviços de logística e inspecção de qualidade. Para além disso, ainda disponibiliza informação actualizada sobre o mercado, bem como permite que os produtores e compradores desta área acedam a um mercado global, onde as negociações são directas e os pagamentos são seguros.

Até ao momento, a Agri Marketplace já registou mais de cinco milhões de euros em transacções online.

Disposta, agora, a desenvolver o negócio em Portugal, Espanha, França e Itália, a plataforma já disponibiliza cereais (milho, cevada, arroz e trigo) e frutos secos (amêndoa, pistácios, avelãs e nozes) nestes mercados.

“Com este investimento, a Agri Marketplace irá reforçar a sua presença nos mercados-alvo, através do reforço das suas equipas, da diferenciação da sua oferta, por via de uma clara aposta no contínuo desenvolvimento tecnológico da plataforma, criando novas funcionalidades que irão beneficiar os nossos clientes, atraindo novos mercados e utilizadores”, afirma Tiago Pessoa, CEO da Agri Marketplace.

O anúncio do investimento nesta plataforma é o primeiro passo para o lançamento da Call Agrotech Economy, que a Portugal Ventures se prepara para abrir no mês de Maio, cujo objectivo é investir até um milhão de euros em cada projecto de tecnologias (hardware e software) e produtos fortemente inovadores que melhorem a eficiência e a produtividade das actividades agrícolas, agropecuárias e agro-indústria.

Share This

Partilhar este artigo