A gigante do comércio electrónico, Amazon, contratou 10 novos cargueiros B767-300 para a sua subsidiária, atingindo assim a sua frota os 50 veículos para o transporte aéreo, que serão entregues ao longo dos próximos dois anos. Dos 40 de que dispunham, metade estava contratada ao Air Transport Service Group (ATSG), e os seus respectivos contratos alargados de dois para três anos.

A frota da multinacional fora criada para preencher as lacunas que por vezes existiam com as companhias expresso, em termos de capacidade e flexibilidade, e liga diariamente 20 aeroportos dos EUA, muitas das vezes chegando a fazer duas travessias.

A Prime Air prevê abrir um Hub regional ainda este ano, estando ainda previsto um Air Hub em Cincinnati em 2021.

Share This

Partilhar este artigo