A Bowe Intralogistics, divisão especializada em intralogística do Bowe Group, sediado na Alemanha e com atividade em Portugal, expandiu a sua gama de soluções de automação com um novo classificador de bolsas (Pouch Sorter) altamente flexível.

O classificador de bolsas é um sistema de transporte suspenso automatizado para tarefas de classificação de alto volume que possibilita lidar com diferentes canais de vendas em paralelo, nomeadamente e-commerce e retalho omnicanal. Fornece acesso automático a itens únicos e permite efetuar pedidos individuais. Moda (peças de vestuário dobradas e penduradas) bem como papel, produtos impressos e personalizados são aplicações típicas.

As áreas de classificação são instaladas perto do tecto, libertando área no chão do centro de distribuição. O alto nível de automação do sistema de transporte suspenso diminui significativamente as actividades manuais durante o processo de classificação e distribuição e garante o manuseamento seguro das mercadorias e/ou produtos.

Um único classificador de bolsas pode transportar, separar, armazenar peças de vestuário, produtos planos, itens individuais e até caixas pequenas de até 2,5 kg. Pode classificar até 7.200 itens por hora e cada bolsa é equipada com um chip RFID ou código de barras, compatível com o item físico específico.

Como explica Miguel Lachat, responsável em Portugal pela Intralogistics Business Line: “A integração dos canais de vendas online e offline apresenta desafios significativos para a intralogística dos retalhistas, exigindo entregas na loja a um número crescente de pedidos de e-commerce e devoluções para serem tratadas da forma mais eficiente possível”. A necessidade de expandir a gama de produtos e, simultaneamente, aumentar as expectativas do cliente para entrega no dia seguinte veio aumentar a pressão por parte do retalho. “Automatizar o processo de classificação dos artigos tornou-se crucial tanto a nível de eficiência como de redução dos custos logísticos, principalmente em períodos de picos de vendas, como o Natal e a Black Friday”, comenta o responsável.

Para além de permitir o armazenamento temporário dinâmico de itens, o classificador de bolsas oferece suporte à gestão eficiente de devoluções com a redução de custos. Seguindo o lema “buffer storage, not re-storage”, os produtos mais vendidos e devolvidos pelos clientes podem ser prontamente recolhidos e temporariamente estacionados num sector de transição. Os itens já disponíveis no classificador de bolsas são posteriormente priorizados e evitam um novo procedimento de picking.

Este sistema destaca-se pelos vários recursos opcionais, como bolsas especiais de descarga rápida ou a capacidade de escolher entre diferentes métodos de classificação. Graças à sua arquitectura modular e flexível, o sistema pode ser adaptado à procura crescente, aumentando a capacidade e o desempenho.

O classificador de bolsas é um complemento da gama de soluções para intralogística da empresa que, enquanto fornecedor de serviços completos, disponibiliza ainda sistemas de transporte e tecnologia de transporte de materiais, soluções de picking e um conjunto de outras soluções de classificação. A aposta passa cada vez mais por soluções end-to-end de automação, cobrindo toda a cadeia de valor interna (da entrada à saída de mercadorias). Esta gama de equipamentos é complementada pelas soluções de software IoT da BOWE IQ, que engloba desde controlos de máquinas inteligentes a sistemas complexos de Warehouse Management e Warehouse Control Systems a soluções de entrega de última milha.

 

Share This

Partilhar este artigo