O grupo Stef terminou o segundo trimestre de 2021 com um volume de negócios de 848,8 milhões de euros, o que representa um crescimento de 21,7% face ao período homólogo do ano anterior, segundo explica o operador logístico em comunicado.

“O grupo regista uma sólida progressão do seu volume de negócios no segundo trimestre 2021, embora sem atingir o valor de 2019 para o mesmo período. Apesar de as actividades permanecerem contrastantes, o grupo voltou ao crescimento desde o levantamento das restrições sanitárias impostas ao sector da restauração na Europa”, assinala Stanislas Lemor, presidente e diretor-geral da Stef.

A unidade internacional do grupo registou um volume de negócios de 507,3 milhões de euros, o que significa uma subida de 13,2% em relação aos primeiros três meses de 2020. A Stef internacional registou uma subida de 24,3% (238,4 milhões de euros).

No que diz respeito ao negócio em Portugal, o grupo de logística diz que “este mantém a sua dinâmica comercial apoiando-se na nova plataforma em Alenquer, nas proximidades de Lisboa”.

O volume de negócios do segundo trimestre marca, assim, um retorno às tendências pré-COVID, ainda que a retoma seja heterogénea, de acordo com as actividades e zonas geográficas.

Share This

Partilhar este artigo