Durante 25 anos, a JAGGAER acompanhou empresas e organizações no seu caminho para a excelência nos seus processos de compra, mas é, nestes últimos anos, que se tem vindo a denotar as vantagens da digitalização nas empresas, as suas mais recentes inovações e as ferramentas tecnológicas do futuro.

Todas estas transformações e mudanças que aconteceram nos últimos tempos, maioritariamente devido à pandemia, garantiu que as empresas começassem a ganhar uma consciência cada vez maior da necessidade de tecnologia que possibilite a agilização de todos os processos e garanta a continuidade dos seus negócios.

Surge assim uma “consciência digital”, que cresce a cada ano nas empresas. No entanto, ainda não ao ritmo que gostaríamos, pois ainda é possível verificar que algumas empresas estão mais bem preparadas do que outras. E isto não depende da sua dimensão, mas sim da maturidade da sua função de compras.

Por exemplo, os sectores que tendem a estar na vanguarda da utilização da tecnologia para as compras são o setor automóvel, os serviços públicos e a banca, seguidos pelas grandes empresas de construção, existindo outros que estão a amadurecer rapidamente, como a alimentação e a indústria.

A solução aqui passa por ter um departamento de compras digitalizado. Quando as receitas diminuem, a única forma de manter as margens é reduzir os custos, e neste caso, as soluções de compra ajudam a sermos mais eficientes no tempo dedicado a esta função e geram poupanças económicas de cerca de 4% em compras diretas para 20% em compras indiretas, em comparação com os processos tradicionais.

A digitalização das compras reduz a utilização de papel e elimina tarefas administrativas que acrescentam pouco valor, permitindo à equipa de compras concentrar-se em tarefas mais estratégicas. Também aumenta o retorno do investimento e a transparência, permitindo detetar e neutralizar o risco de insolvência ou más práticas e fornecendo uma visão de 360 graus dos fornecedores.

A utilização deste tipo de serviços acaba por ser uma mais-valia para as empresas, não só por oferecer uma experiência de utilizador mais moderna e simplificada, mas também porque melhora a usabilidade geral e proporciona maior eficiência nas atividades de compra do dia-a-dia, aliviando o fardo sobre as equipas de compras e facilitando a comunicação entre utilizadores e fornecedores. É assim justificável que, as empresas dos mais diversos setores, invistam cada vez mais nesta digitalização que lhes permite implementar métodos que facilitam os seus processos.

Daqui a cinco anos, assistiremos a uma automatização progressiva das compras até atingirmos a plena autonomia, graças a tecnologias como o assistente inteligente, redes neurais artificiais e Inteligência Artificial. Mas primeiro precisamos de universalizar a digitalização da função de compras e aquisições.

Carlos Tur, country manager para Espanha e Portugal | JAGGAER 

Share This

Partilhar este artigo