Acompanhando a transformação digital do sector e o contexto  excepcional que o mundo ainda vive, e que continua a recomendar distanciamento social, T- City foi o local escolhido este ano pela Toyota para o seu evento europeu de lançamento do novo empilhador retrátil BT Reflex. Sabe onde fica? Então venha connosco.

Um cenário completamente virtual, no qual, devidamente identificados, vamos circulando, vendo e ouvindo o que têm de novo para nos contar os responsáveis da Toyota Material Handling. Foi assim este ano o evento europeu de lançamento do retrátil BT Reflex, que ficará para a história da empresa como o primeiro lançamento de produto totalmente digital, utilizando tecnologia 3D e a plataforma virtual “T-City”.

Segundo Ana Paula Soares, da Direcção Comunicação & Marketing da Divisão Equipamento Industrial Norte da Toyota Caetano Portugal, e a nossa anfitriã na T-City, “o empilhador retrátil sempre foi um produto importante na nossa linha, liderando inúmeras inovações no sector, como a direcção 360°, a cabine basculante ou o controlo de elevação transicional, para citar apenas alguns. E o novo Reflex persegue este desafio de excelência e apresenta mais inovações, merecendo por isso um lançamento adequado no mercado, apesar dos desafios da situação actual, em toda a Europa”.

Assim, a nova gama de empilhadores BT Reflex é, para já, constituída, por três versões: uma de elevado desempenho (série R), a versão com a cabine basculante exclusiva (série E) e a flexível, versão para operações de interior e exterior (série O). Apresenta capacidades de 1,4 a 2,5 toneladas e alturas de elevação até 13 metros.

“Os novos empilhadores BT Reflex estabelecem novos padrões em termos de segurança, eficiência energética e ergonomia”, afirmou José María Gener, vice-presidente de vendas e marketing da Toyota Material Handling Europe. “Com este produto, atingimos novos níveis em termos de segurança, ergonomia e eficiência energética, e continuaremos a concentrar-nos em trazer aos clientes soluções sustentáveis e eficientes para o manuseamento de materiais, no futuro”.

Entre as melhorias apresentadas pela gama Reflex destacam-se a ergonomia do compartimento do operador, no qual também entrámos virtualmente, com comandos intuitivos e um display colorido interactivo, os novos recursos focados em áreas de energia inteligente, a experiência do operador intuitiva e interactiva e o fornecimento de mais informação sobre as operações de manuseamento de materiais.

Todos os modelos estão disponíveis com três packs inteligentes de energia de iões de lítio para minimizar as emissões de gases e o desperdício. “Estes packs são baseados em soluções modulares de bateria de iões de lítio da Toyota”. Com um correcto carregamento das máquinas, os novos empilhadores retráteis, mesmo com o pack menor de energia, podem operar 24 horas por dia. “Fornecer às empresas opções que reduzem o impacto ambiental, e que são de alta qualidade, económicas e seguras para alimentar equipamentos de movimentação de cargas, é de extrema importância nos dias de hoje”, acrescenta José María Gener.

Também a cabine do operador surge renovada e redesenhada na nova gama, proporcionando mais ergonomia, segurança e desempenho. As melhorias incluem uma nova consola de direcção com apoio para a palma da mão, para maior sensação de controlo, assim como uma nova consola de comandos principais.

A interface do operador inclui mais recursos I_Site, como o Smart Access, para que apenas o pessoal autorizado utilize a máquina e também o POC (check pré-operacional) para garantir que há uma verificação automática antes de cada turno.

Apesar do ambiente ser virtual, as novidades são bem reais, assim como as funcionalidades integradas nos novos retráteis BT Reflex, bem como a sua capacidade de responder às exigências crescentes da movimentação de produtos e mercadorias e, não menos importante, o conforto dos operadores.

Share This

Partilhar este artigo