A Rhenus Maritime Services, empresa de transporte marítimo de curta distância que opera em toda a Europa, pertencente ao grupo Rhenus, acaba de anunciar a aquisição de 60% das acções da empresa Arkon Shipping & Projects. Com esta operação a Rhenus reforça a sua divisão de projectos de cargas pesadas na Europa e aumenta as suas capacidades operacionais.

A Rhenus Maritime Services será a entidade que passará a gerir e a dirigir a Arkon Shipping & Projects sob o novo nome corporativo RMS Projects, juntamente com o cofundador e CEO, Thomas Cord, que continuará a deter os 40% restantes das acções. A Rhenus adquiriu a sua participação maioritária ao ex-CEO Torsten Westphal e além da mudança de accionista e do novo nome da companhia, a sede da empresa também será transferida de Haren an der Ems para Hamburgo.

O novo director-geral da RMS Project será Thomas Ullrich. “A Rhenus e a Arkon Shipping & Projects já trabalharam juntas em vários projectos e acreditamos que há um grande potencial para expandir ainda mais essa colaboração em novos projectos e serviços de transporte de carga pesada”, disse Thomas Ullrich.

“No futuro, não operaremos apenas para a Rhenus, mas também actuaremos como gestores de transporte global para projectos de produtos pesados, para o mercado mais amplo”, acrescenta o co-diretor administrativo Thomas Cord.

A RMS Projects actuará com uma frota de 20 navios de carga pesada.

Share This

Partilhar este artigo