De uma forma geral, as empresas têm vindo a sentir uma maior exigência no que respeito à satisfação do cliente, uma vez que esperam serviços mais rápidos, personalizados e autónomos desde o momento da compra até à entrega. Esta mudança nos hábitos de consumo gera pressão e complexidade na área do retalho e, para preencher esta lacuna no mercado, nasceu a AssetFloow.

Como contam os co-fundadores Katya Ivanova, CEO, e Ricardo Santos, CTO, a AssetFloow consiste num software de inteligência artificial que optimiza os espaços e realiza a gestão dos armazéns, considerado por ambos “um dos principais bottlenecks [entrave] em logística”. O principal objectivo passa por “ajudar as empresas a analisar as rotas que os trabalhadores fazem dentro das instalações, sem recorrer a sensores ou câmaras, para fornecer insights sobre onde os produtos devem estar localizados para optimizar e acelerar as operações”, explicam os co-fundadores.

É através de algoritmos avançados de inteligência artificial e análise estatística que a AssetFloow complementa as funções e as capacidades das plataformas actuais de warehouse management, com visualização de heatmaps dos armazéns, análise de KPI’s de operações, simulações de fluxos dos trabalhadores e optimização da localização dos produtos. “A nossa solução foi projectada para o uso de clientes de todos os sectores e tamanhos que desejam utilizar melhor o espaço e os seus recursos humanos para realizar as suas tarefas com uma metodologia mais eficiente”, revelam Katya Ivanova e Ricardo Santos. Desta forma, o software permite que as empresas controlem a movimentação e a utilização de espaço, melhorando a gestão das encomendas, o stock e a equipa.

A AssetFloow tem a capacidade de optimizar mais do que uma tarefa em simultâneo o que, do ponto de vista logístico, é uma grande mais-valia. Assim, os operadores de armazém, que têm de realizar tarefas distintas como movimentação de produtos, embalamento, etiquetagem e processamento, podem contar com o software para optimizar estes processos. Em relação, por exemplo, ao momento em que os produtos embalados seguem para a área de recolha para, posteriormente, serem entregues, a AssetFloow agiliza o processo de forma automatizada, permitindo aos armazéns pré-programar para onde os pedidos se devem dirigir e saber que recursos humanos serão necessários nos diferentes períodos do dia, descartando assim o trabalho manual para realizar esta análise.

Poderá ler o artigo completo na edição 18 da nossa revista.

Share This

Partilhar este artigo