A Transinsular, empresa do Grupo ETE, tem mantido o abastecimento regular das Regiões Autónomas, mesmo perante os vários desafios impostos pela pandemia de COVID-19. Agora irá reforçar o Serviço Madeira Expresso com a colocação em itinerário do novo navio ‘Ilha da Madeira’, em exclusivo ao serviço da RAM.

Como sinal de compromisso assumido pela RAM, a Transinsular renova a aposta nesta linha nacional de transporte marítimo com a introdução de um novo navio com o mesmo nome daquele que, em tempos, foi fundamental para o desenvolvimento e unificação da região.

Com capacidade para 440 TEUS, o ‘Ilha da Madeira’ mantém as escalas semanais (Lisboa e Leixões) do Serviço Madeira Expresso oferecido pela Transinsular, continuando a promover a proximidade do arquipélago com o Continente. O navio ao serviço da região está dimensionado para responder na íntegra às especificidades e aos horários do itinerário, particularmente nestes tempos exigentes de crise gerados pela pandemia. Tem ainda as características necessárias para assegurar a regularidade de serviço em temo de retoma quando o turismo e a economia recuperarem o dinamismo.

“Embora se vivam tempos de muita incerteza, na Transinsular mantemo-nos operacionais e a assegurar o abastecimento das Regiões Autónomas, permitindo continuar a responder com o mesmo compromisso que sempre assumimos com estas populações e agentes económicos. A introdução deste navio no itinerário da Madeira é para a Transinsular, um motivo de orgulho, mas também mais um sinal de proximidade com a comunidade madeirense e de que nos mantemos atentos no que respeita à satisfação daquelas que são as suas reais necessidades”, afirma Matthieu Roger, CEO da Transinsular.

Share This

Partilhar este artigo