A UPS anunciou que irão iniciar os testes de adaptação e durabilidade de veículos eléctricos da Gaussin, com capacidade de condução autónoma para mover semi-reboques e contentores dentro das instalações do hub da empresa em Londres.

Durante a fase inicial dos testes, a UPS irá operar os shifters com motoristas nas cabines de forma a avaliar a operacionalidade dos veículos, bem como a eficiência. No final de 2020, a distribuidora avançará para a próxima fase, dando início aos testes de condução autónoma.

Juan Perez, Director de Informação e Engenharia da empresa, afirma que “estes testes fazem parte de um grande esforço da UPS para integrar veículos eléctricos em toda a sua rede global. Os shifters da Gaussin vão ajudar a reduzir os nossos custos de combustíveis e as emissões”.

As viaturas eléctricas da Gaussin não produzem emissões e incluem uma nova tecnologia de troca de bateria, que permite que os shifters sejam operados dia e noite, uma vez que a bateria descarregada é imediatamente substituída por outra totalmente carregada. Além disso, os veículos têm ainda incorporadas câmaras, sensores e algoritmos sofisticados para melhorar a segurança.

“Continuamos a pesquisar e implementar a mais recente tecnologia no que diz respeito a veículos com potencial para melhorar a nossa eficiência operacional, adoptando uma abordagem evolutiva na adopção das tecnologias relacionadas com os veículos autónomos”, refere Carlton Rose, Presidente de Manutenção e Engenharia da Frota Global da UPS.

Share This

Partilhar este artigo