A European Shipping Week 2020 decorreu, no dia 20 de Fevereiro, em Bruxelas. A realizar o discurso de introdução do evento, bem como a moderação do painel dedicado ao Comércio e Concorrência naquela que é a principal conferência europeia dedicada ao sector do Transporte e Comércio Marítimo, esteve Carla Olival, Presidente da Women’s International Shipping & Trading Association of Portugal (WISTA). Na sua intervenção, afirmou que o nosso país tem potencial para ser um “hub de transporte marítimo à escala europeia”.

“O crescimento da tonelagem portuguesa é uma oportunidade para o nosso país se afirmar com capacidade de influência na definição das Políticas de Comércio Europeias”, refere a Presidente da WISTA Portugal.

Considera o transporte marítimo um “eixo estratégico” para o nosso país, em particular através das oportunidades de trabalho que oferece, mas para isso, é necessário produzir mais e ainda melhores profissionais “quer on-shore, quer off-shore, uma vez que os armadores que arvorem a bandeira portuguesa, tem preferência por tripulação europeia”.

Para ter sucesso, o transporte marítimo precisa de um estável e competitivo sector financeiro que seja capaz de suportar o crescimento ambicionado mas, segundo Carla Olival, é aqui que Portugal enfrenta um grande desafio visto que “o enquadramento legal vigente para o regime de hipotecas de navios está longe de ser competitivo e actual face ao que se pratica em outros mercados”. Neste âmbito, o Brexit e o seu impacto na “bandeira Britânica e de Gibraltar” oferece a Portugal uma grande oportunidade que é importante não desperdiçar, vinca a Presidente da WISTA Portugal.

Share This

Partilhar este artigo