O porto de Xangai movimentou 43,3 milhões de TEU no passado ano, mais 3% que no anterior, mantendo assim a liderança do ranking mundial de portos. Há 10 anos que o porto chinês se apresenta como a número um a nível global.

Foi um novo recorde para o maior porto, e o seu crescimento foi quase o dobro do segundo maior porto, Singapura, que tendo movimentado 37,2 milhões de TEU em 2019, apresentou um crescimento de 1,6%.

Em 2008, as autoridades anunciavam que 2020 seria um ano importante para as aspirações marítimas de Xangai, e o actual presidente da câmara anunciou esta semana que seriam tomadas medidas para reforçar este estatuto.

Ainda é cedo para avançar com o top 20 dos maiores portos nacionais, pois alguns ainda não revelaram os seus valores, mas é possível assumir que, pelo seu crescimento, Xangai mantém a liderança.

Por outro lado, é ainda possível antever que provavelmente Hong Kong será o que apresenta a maior quebra. Aquele que em 2005 foi o porto que mais contentores movimentou no mundo tem vindo a decrescer desce então, e a sua produção caiu em 6,3%, para os 18,36 milhões de TEU, ameaçando a sua queda do top 10 mundial.

Share This

Partilhar este artigo