Portugal exportou produtos no valor de 1,118 milhões de dólares, (998 milhões de euros) para a China, no primeiro semestre do presente ano. Este valor representa mais 4,2% em comparação ao período homólogo de 2018, de acordo com o Dinheiro Vivo.

Relativamente às importações, Portugal importou da China bens no valor de aproximadamente 2,158 mil milhões de dólares (1,926 mil milhões de euros), o que deixou Lisboa com um saldo comercial negativo com o país asiático em cerca de 1,04 mil milhões de dólares (920 milhões de euros).

Segundo os dados publicados no portal do Fórum Macau, com base nas estatísticas dos Serviços de Alfândega chineses, as trocas comerciais entre Lisboa e Pequim ascenderam a 3,276 mil milhões de dólares (2,924 milhões de euros) até Junho, registando um aumento de 15,66% relativamente ao período homólogo do ano passado.

Os dados apontam que as trocas comerciais entre a China e os países lusófonos se fixaram em 70,139 mil milhões de dólares (62,6 mil milhões de euros), durante os primeiros seis meses do ano, verificando-se um crescimento de 1,17%. A maior parte deste valor corresponde às importações por parte do país asiático que aponta para os 50,433 mil milhões de dólares (45 mil milhões de euros).

Por sua vez, registou-se uma diminuição de 6,13% das exportações chinesas para países lusófonos, tendo alcançado os 19,706 mil milhões de dólares (17,58 mil milhões de euros).

Em 2018, Portugal exportou para a China produtos no valor de 2,24 mil milhões de dólares (1,99 mil milhões de euros), e as trocas comerciais entre Lisboa e Pequim ascenderam a seis mil milhões de dólares (5,3 mil milhões de euros).

Share This

Partilhar este artigo