Assinou-se o acordo que visa a terceira fase de expansão do Terminal XXI, com um investimento privado de 547 milhões de euros, no âmbito da ‘Estratégia para o Aumento da Competitividade da Rede de Portos Comerciais do Continente – Horizonte 2026’.

Este investimento será aplicado na expansão do cais de acostagem e respectivos equipamentos de movimentação, como também em manutenção, substituição e renovação de equipamentos já instalados em fases anteriores.

O Terminal XXI passará então a oferecer uma frente de cais de 1.950 metros, repartidos numa frente de 1.750 metros e outra de 200 metros, de forma a possibilitar a atracação simultânea de quatro navios porta-contentores de última geração.

A área de armazenagem passará de 42 hectares para 60, o que permite a capacidade instalada dos actuais 2,3 milhões de TEU para 4,1 milhões. Serão ainda instaladas mais nove gruas ‘super post-panamax’, 30 pórticos de parque e equipamentos transportadores.

Share This

Partilhar este artigo