Sob o lema “Moving the future together” a Linde Material Handling apresentará a sua ampla oferta de soluções integrais para a indústria 4.0 na feira internacional Logimat, que decorre em Estugarda. Nesta ocasião, os visitantes profissionais deste importante encontro poderão descobrir os mais recentes produtos, soluções e serviços da marca, que trabalha intensamente na manutenção da competitividade dos clientes, através de um notável aumento da eficiência das suas operações logísticas.

Automatização flexível, aplicações digitais e sistemas energéticos adaptados a cada necessidade operativa: estes são alguns dos fios condutores nos quais a Linde Material Handling está a trabalhar para tornar ainda mais eficiente a movimentação de mercadorias dos seus clientes. Sob o lema “Moving the future together”, o especialista em intralogística apresentará de 18 a 21 de Devereiro os seus últimos produtos, soluções e serviços aos visitantes profissionais no seu stand LogiMAT localizado no pavilhão 10, B21. Neste importante encontro internacional, a Linde Material Handling também coloca um grande ênfase na sua consultoria de intralogística, que abrange desde análise e planificação até à implementação de soluções completas para sistemas de armazenamento e transporte, “chave na mão”. Igualmente, a Linde mostrará os últimos avanços em software inteligente de gestão de armazéns.

“Muitas empresas já se encaminham para o desenvolvimento da sua intralogística no sentido da indústria 4.0 e estão à procura de soluções adequadas”, diz Torsten Rochelmeyer, Head of Marketing Central Europe da Linde Material Handling. Estas soluções provêm fundamentalmente dos cinco campos principais nos quais a Linde centrou o seu desenvolvimento: automatização, digitalização, energia, segurança e intralogística. Assim, um grande número de especialistas estará presente no stand da feira para oferecer aos visitantes informação sobre a crescente carteira de equipamentos de movimentação e de armazém, sistemas de segurança, aplicações digitais e sistemas de energia. “As possibilidades de fazer com que os fluxos de materiais internos sejam mais eficazes e eficientes são muitas vezes maiores hoje do que há alguns anos”, sublinha Rochelmeyer. “Ao mesmo tempo, é essencial reduzir a complexidade e fazer uso rentável da crescente ‘avalanche de dados’.”

A digitalização continua a ser um dos principais motores da intralogística em conjunto com uma fusão de equipamentos -ou seja, hardware- e soluções digitais. Isto faz com que os empilhadores e os equipamentos de armazém não apenas sejam mais seguros e estejam melhor comunicados, como também mais económicos e produtivos. Um exemplo neste sentido é o sistema de assistência “Zone Intelligence”. Este novo módulo do sistema de gestão de frotas connect da Linde apresentar-se-á pela primeira vez na LogiMAT. Baseia-se na tecnologia de banda ultra larga e garante uma maior segurança ao eliminar os possíveis perigos nas zonas de armazenamento e produção mediante a redução da velocidade.

A nova aplicação Service Manager App é outro exemplo de como se pode utilizar a digitalização progressiva para melhorar a transparência e fazer com que os processos sejam mais eficientes. Com esta aplicação móvel, os gestores de frotas podem introduzir ordens de serviço para a rede de assistência da Linde, durante as 24 horas do dia, através de um smartphone. Com a Linde Service Manager App, os clientes da marca estão continuamente informados sobre o estado dessas ordens até à sua finalização.

Share This

Partilhar este artigo