A subsidiária da Sakthi em Portugal assinou recentemente um contrato de fornecimento de energia de 18 anos com a EDP, o maior contrato da história da fornecedora em Portugal. O acordo estabelecido abrange energias renováveis produzidas na Península Ibérica e irá cobrir uma parte muito significativa do consumo da empresa do ramo automóvel, que chega a atingir 150.000 MWh por ano.

Através do acordo a longo prazo a EDP afirma que a empresa irá obter benefícios pois “assegura uma maior estabilidade e também uma significativa redução de preço”, representando uma poupança na ordem dos 20%, quando comparado com contratos de electricidade a curto prazo.

Vera Pinto Pereira, administradora da EDP, conta que o acordo estabelecido se enquadra nas estratégias da empresa no que toca a longas parcerias, bem como às apostas e compromissos que têm vindo a ser feitos pela empresa em termos de eficiência energética, produção renovável e sustentabilidade: “este contrato representa uma mudança de paradigma para a EDP, enquadrando-se na estratégia de construção de parcerias sólidas e duradouras, com uma clara aposta na eficiência energética – área em que o grupo tem feito significativos investimentos em articulação com os seus clientes. Por outro lado, este novo paradigma permitirá impulsionar a produção renovável, estando, por isso, totalmente alinhado com os compromissos de sustentabilidade assumidos pelo grupo”.

A Sakthi Portugal tem três unidades no país, localizadas na Maia, Águeda e Trofa, empregando cerca de 700 pessoas, sendo as principais clientes da empresa de componentes automóveis a BMW e a Volkswagen.

Share This

Partilhar este artigo